1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer

UEM reunida em Conselho de Directores com foco na sua transformação em universidade de investigação

cda7-1

Quadros séniores da UEM estão reunidos de hoje até a próxima sexta-feira (11 a 13 de Julho) em Conselho de Directores Alargado para análise, avaliação e troca de experiências sobre os processos de governação e gestão universitária da instituição, bem como perspectivar o futuro, incluindo acções prioritárias a serem realizadas a curto e médio prazos.
cda7-2Na abertura, o Reitor da UEM, Prof. Doutor Orlando Quilambo, referiu-se ao presente conselho de directores como um espaço oportuno para, através de um exercício conjunto de análise da conjuntura nacional e internacional, incluindo a crise económica que se vive, poder-se identificar que desafios se colocam e o que é necessário fazer para os ultrapassar.
Entre os apectos que deverão merecer prioridade, Quilambo elencou a identificação de oportunidades para uma operacionalização bem-sucedida do Plano Estratégico 2018-2028 e as formas de sua maximização; Identificação dos desafios que se colocam à operacionalização do Plano Estratégico 2018-2028 e as formas de sua superação; e Estabelecimento de mecanismos que permitam a monitoria e avaliação periódica do cumprimento das actividades e metas definidas no Plano Estratégico, tendo também em conta os indicadores de desempenho relevantes.
Este ano, o Conselho de Directores Alargado decorre sob lema "Das Ideias à Acção: Oportunidades e desafios na operacionalização do Plano Estratégico 2018-2028 como contributo ao desenvolvimento de Moçambique". Segundo o Reitor, o lema mostra, de forma clara, que “não temos alternativa senão trilharmos o caminho que escolhemos, que é o de partir para a acção concreta".
Tendo em conta um dos temas para o debate, relacionado aos desafios da implementação do Plano Estratégico com vista à transformação da UEM, Quilambo frisou que não há nem uma única via, nem uma rota definida ou pré-definida, por isso exortou a cada unidade, tendo em conta os eixos e os indicadores, a ajustarem as suas actividades e considerar que não há outra opção senão a do Plano Estratégico.
Na vertente dos recursos humanos, o Reitor reconheceu e apreciou os esforços desenvolvidos para formação de mais Doutores e mestres tanto no corpo docente quanto no CTA mas persistem desafios em relação a resposta que se espera dos docentes e membros do CTA numa universidade de investigação.
Segundo Quilambo, é necessário repensar nos procedimentos administrativos e financeiros para dinamizar uma universidade centrada na investigação.
cda7-3Na oração principal, o Secretario Geral da African Reseach Universities Alliance, Professor Ernest Aryeetey, defendeu que uma universidade de pesquisa, como se pretende que a UEM seja, deve concentra-se principalmente na condução da pesquisa por seus professores e alunos de pós-graduação, entretanto, salientou que este tipo de instituições é geralmente cara pois, “envolvem investimentos em instalações avançadas de pesquisa tais como bibliotecas de última geração laboratórios, tecnologia de ponta e mais”, afirmou.
Aryeetey deixou como recomendações à UEM no desafiador processo de transformação em uma universidade de investigação, melhorar de modo demonstrável o ambiente de pesquisa a nível institucional, bem como a nível nacional e demonstrar interesse em parcerias interuniversitárias.
O Conselho de Directores Alargado junta à mesma sala, directores e directores-adjuntos das principais unidades orgânicas da UEM, escolas, faculdades, centros, entre outros quadros.

workingz ? Bağlantı Yok